Quando descontar Imposto de Renda do Adiantamento Salarial

Artigos

O cálculo do desconto do Imposto de Renda Retido na Fonte, será efetuado por ocasião de cada pagamento.

Pagamento salarial no começo do mês, terá um desconto do IRRF, por ocasião do pagamento do adiantamento salarial dentro do mesmo mês, (ex. dia 20), deverá ser recalculado o imposto e efetuado o desconto complementar.

Portanto, no caso de  pagamento de salário e do adiantamento salarial dentro do próprio mês, o desconto será efetuado sobre o total dos rendimentos pagos no mês, ou seja somente no pagamento do salário. (RIR/1999, aprovado pelo Decreto 3.000 de 1999, § 2º do art. 620 e arts. 621 e 624).

Exemplo de cálculo:

Base de cálculo do IR do dia 5 = R$ 6.122,55
IRRF sobre o pagamento do salário R$ 568,99 

Adiantamento dia 20 = $ 1.785,00
Base do IR para o IR do adiantamento = R$ 7.907,55 (R$ 6.122,55 + 1.785,00)

Cálculo
R$ 7.907,55 (soma do dia 5 + dia 20)
- R$ 513,01 INSS
- R$ 379,18 Dependentes (2)
= R$ 7.015,36 Base de cálculo do IR
x 27,5% alíquota
= R$ 1.929,22
- R$ 869,36 dedução
= R$ 1.059,86 IRRF devido
- R$ 568,99 RETIDO NO PAGAMENTO
= R$ 490,87 A SER RETIDO NO ADIANTAMENTO

Nota Paulista e o Imposto de Renda 2010

Novidades

SEFAZ-SP Notícias

A Secretaria da Fazenda de São Paulo esclarece que os consumidores que resgataram créditos ou ganharam prêmios no programa Nota Fiscal Paulista não terão que pagar imposto de renda sobre os valores recebidos. Os créditos resgatados em dinheiro ou utilizados para abatimento do IPVA são isentos. Já os prêmios têm o imposto de renda retido na fonte, ou seja, os valores recebidos pelos consumidores participantes do programa são líquidos e não sofrem nenhuma tributação extra.

Continue lendo →